Homes in Colour

Live beautifully . Live creatively

Search

Phenomenal Women

Men themselves have wondered   
What they see in me.
They try so much
But they can’t touch
My inner mystery.
Maya Angelou

Fotografia via Due Fashion

Não sou femista* e também não sou machista. Os seres humanos têm todos valor, independentemente do género. Tenho consciência (e a história mostra-nos) que durante muitos anos foram negados direitos fundamentais às mulheres, que nos levou à necessidade de celebrarmos hoje um Dia Internacional da Mulher. É simplesmente um processo de re-equilibrio daquilo que durante vários anos esteve desequilibrado. Hastear a bandeira de que somos melhores ou mais capazes que os homens não deixa de ser a mesma forma de poder e supremacia contra a qual nos rebelámos nas últimas décadas.


Acredito que deixaremos de celebrar o dia da mulher quando todos os seres humanos  (independentemente do género) tiverem os mesmos direitos e deveres. Mas enquanto ainda existirem por exemplo países em que uma mulher pode ser morta por cometer adultério (penso que ainda existem 9), vai continuar a ser necessário celebrá-lo. Porque é por elas e para elas que ele ainda faz sentido hoje e é importante existir.

Inside the Louvre, fotografia de Jason

Mas não era pela diferença de género que queria construir este post. Sim pela celebração daquilo que é uma experiência única e excepcional. Ser mulher não é uma aventura fácil, mas tem recompensas profundamente gratificantes. Continua a ser para mim (e para os homens) um mistério insondável e um enigma.

E como me disse há umas semanas atrás a minha amiga Andreia Marques, em momentos de crise ninguém consegue ajudar tanto uma mulher como outra mulher.

Imagem Pinterest

E justamente porque nestes últimos meses tive uma ajuda preciosa e insubstituível de mulheres extraordinárias, é por elas e para elas que dedico este post. Algumas são amigas de há muitos anos, outras de há menos. Algumas conheço pessoalmente, outras nunca conhecerei. A algumas ligam-me laços de sangue, a outras de profunda amizade, carinho e admiração. Umas ajudaram-me na vida prática e em momentos profundamente dolorosos, outras simplesmente inspiraram-me a superar-me. O meu sincero obrigada a todas!

[ Aurélie de Sousa, Margarida Aguiar, Lena, Dra. Conceição Simões, Filipa Teixeira, Xana Rei, Andreia Marques, Sara Esteves, Carla Gomes, Raquel Dias, Joana Martins, Raquel Albino, Alexandra Pereira, Joana Olivença, Luciana Rosado, Daniela Viela. Glória Morales, Patrícia Lobo, Sílvia Louro Santos, Elizabeth Gilbert, Esther Perel, Oprah Winfrey, Maya Angelou, a minha irmã e a minha mãe ]


Fotografia de Vee Speers

E obrigada também a vocês mulheres que estão desse lado e que ainda não conheço pessoalmente, mas que têm um lugar especial no meu coração. Porque na essência, vos conheço e compreendo. Porque naquilo que é mais fundamental, somos mais parecidas que diferentes, e temos sonhos e aspirações semelhantes. É para mim e para vocês que dedico o poema abaixo da Maya Angelou.

Paper Plants de Yuko Yamamoto

Que consigamos, a cada dia que passa, ser melhores mulheres, mulheres fenomenais.

Para que os homens também possam, a cada dia que passa, ser melhores homens.

E todos nós, em geral, sermos cada vez mais, melhores seres humanos.

Phenomenal Woman
(Obrigatório ouvir a Oprah Winfrey a recitá-lo, aqui)

Pretty women wonder where my secret lies.
I’m not cute or built to suit a fashion model’s size   
But when I start to tell them,
They think I’m telling lies.
I say,
It’s in the reach of my arms,
The span of my hips,   
The stride of my step,   
The curl of my lips.   
I’m a woman
Phenomenally.
Phenomenal woman,   
That’s me.

I walk into a room
Just as cool as you please,   
And to a man,
The fellows stand or
Fall down on their knees.   
Then they swarm around me,
A hive of honey bees.   
I say,
It’s the fire in my eyes,   
And the flash of my teeth,   
The swing in my waist,   
And the joy in my feet.   
I’m a woman
Phenomenally.

Phenomenal woman,
That’s me.

Men themselves have wondered   
What they see in me.
They try so much
But they can’t touch
My inner mystery.
When I try to show them,   
They say they still can’t see.   
I say,
It’s in the arch of my back,   
The sun of my smile,
The ride of my breasts,
The grace of my style.
I’m a woman
Phenomenally.
Phenomenal woman,
That’s me.

Now you understand
Just why my head’s not bowed.   
I don’t shout or jump about
Or have to talk real loud.   
When you see me passing,
It ought to make you proud.
I say,
It’s in the click of my heels,   
The bend of my hair,   
the palm of my hand,   
The need for my care.   
’Cause I’m a woman
Phenomenally.
Phenomenal woman,
That’s me.

Maya Angelou

(*pequena nota: femisno e feminismo são dois conceitos diferentes. Femismo é a crença e defesa da superioridade da mulher em relação ao homem. Feminismo é a defesa da igualdade de direitos entre homens e mulheres)

4 comentários

  1. Sofia, muito obrigada por achares que também eu mereço um lugar entre algumas das mulheres que significam algo para ti. É uma honra e um orgulho e um empurraozinho de optimismo naqueles momentos quando penso que talvez a minha vida e os meus actos não sejam assim tão importantes. É parece que às vezes até são. I'm a woman too, phenomenally. Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Yes, you are Glória ����E para além de seres importante para mim não tenho dúvidas que também o és para várias outras pessoas (mesmo que não te apercebas ou que elas próprias não se apercebam disso). Beijinho grande!

      Eliminar
  2. Querida Sofia,

    ler as tuas palavras e saber que também são dedicadas a mim faz-me sentir uma sortuda.
    Neste ano que passou aconteceram muitas coisas boas e menos boas mas a nossa amizade foi das melhores que podia ter acontecido. Conhecer-te e poder viver algumas coisas ao teu lado fez-me ver algumas coisas com outros olhos e sem saberes cresci também um pouco contigo. Vou levar-te na minha estrada...
    Admiro-te muito.
    Beijo enorme

    Patrícia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Patri, totalmente recíproco! Um beijinho grande! Falamos em breve��

      Eliminar