Homes in Colour

Live beautifully . Live creatively

Search

Ser Único Versus Ser Popular


Ser boa naquilo que faço sempre foi um dos meus grandes objetivos de vida. Ser popular não o é (e na verdade, ao longo de uma grande parte da minha vida, fui precisamente o contrário).

Como sabemos, ser popular não é necessariamente sinónimo de ser-se bom. E o contrário também se verifica.


Para se ser popular nos dias de hoje já não é necessário ser-se uma cara ou corpo bonito. Mas é preciso gostar de aparecer e não ter vergonha de se mostrar; aceitar abdicar de alguma privacidade; fazer do espaço íntimo um espaço público, e eventualmente ser-se provocador ou ligeiramente aparatoso. E é também preciso partilhar conteúdos que agradem às massas.


Um pouco por todo o mundo centenas de seres humanos investem dezenas de horas (essencialmente de graça) a tentar ganhar um lugar ao sol nas redes sociais (e cada vez gerações mais novas). Impossível não ficar de boca aberta quando descobrimos, por exemplo, que os Youtubers mais bem pagos no ano passado no mundo foram crianças.


Gastam-se mensalmente centenas de euros a enriquecer as plataformas sociais na esperança que esse investimento tenha um retorno que na maior parte das vezes não acontece (pelo menos não para a maioria das pessoas).

Por isso, muito melhor que  criar um trabalho popular é, na minha opinião, criar um trabalho único, bom e interessante.


Abandonemos a ideia de criar produtos e/ou conteúdos medianos para pessoas medianas. A única coisa em que vale a pena investir tempo é na criação de produtos e/ou conteúdos excepcionais para pessoas excepcionais.

E porquê?

Porque vamos acabar por ser reparados não por termos milhares de seguidores no Instagram ou centenas de likes no Facebook, ou estarmos no topo dos rankings do google, mas por termos criado algo especial.


E criar algo especial é criar algo que tem a nossa visão, o nosso cunho, a nossa alma (e que por isso não é copiado nem copiável). É criar algo acima do mediano, ou seja, algo que não agrada a toda a gente . Que é apenas para algumas pessoas.

In our desire to please everyone,
it´s easy to end up being invisible
or mediocre.

- S E T H   G O D I N


E por isso tenho decido dedicar-me a criar peças apenas para algumas pessoas que as apreciam, e a escrever estes textos aqui no blog (com todo o carinho e paixão) para quem os gosta de ler.

Nem as minhas peças nem o blog são populares. Mas ser-se único é mais interessante que ser-se popular, e é a única coisa que acaba por nos diferenciar da multidão.

Fotografia & Styling Homes in Colour

Peças de Cerâmica disponíveis na minha loja online


Instagram @homes_in_colour

Sem comentários

Enviar um comentário