Styling com flores selvagens

Não saberia como reconciliar-me com as coisas, não fosse
cada instante arrancar-se ao tempo
para me dar um beijo.
Cioran


Adoro este pequeno pensamento/poema do Emil Cioran (escritor e filósofo romeno que se radicou em França na década de 40) com que decidi começar o post de hoje. Se a memória não me falha, encontrei-o nas páginas de um livro que li há uns anos e que me tocou particularmente: "A Delicadeza" do David Foenkinos, conhecem? É um romance que narra a história de Nathalie que de um dia para o outro vê a sua vida mudar tragicamente de rumo quando o destino, num duro golpe, quis que o seu companheiro de vida morresse (repentinamente) atropelado. A sua dor parece prolongar-se eternamente, mas página a página vemos a nossa jovem heroína sarar as suas feridas , reconciliar-se com a vida e no final, voltar a ser feliz.

Design Crush // Butterfly Chair

Imagem Entrance

Apesar da chuva intensa e do frio desconsolador que temos sentido nos últimos dias acho que é altura de começar a fazer posts um bocadinho mais primaveris por aqui. Afinal a estação mudou e acredito que num piscar de olhos os dias bons hão-de regressar e com eles a nossa vontade de fazer pequenos updates na nossa casa. E por isso o post de hoje é dedicado à famosa cadeira Butterfly, um dos ícones do design que mais gosto e que acho super original (e que provavelmente muitos de vocês já viu e conhece).

4 marcas para quartos de criança


Há uns dias atrás fui pela primeira vez (com uma amiga minha que está gravidíssima) ao Mercadito da Carlota no CCB. Se não fosse a gravidez dela provavelmente não teria ido pois ainda não há crianças cá deste lado, mas ainda bem que fui pois gostei bastante. O Mercadito está muito bem organizado e as marcas escolhidas pela Fernanda Velez primam mesmo pela qualidade e bom gosto.